Em janeiro tem nova turma para treinamentos da ‘Resenha Virtual de Equídeos’, na Iagro

Categoria: DEFESA SANITÁRIA | Publicado: quarta-feira, dezembro 27, 2017 as 08:35 | Voltar

Cresce a demanda e a Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) se adequa para atender a procura pelo treinamento para habilitação dos profissionais que pretender operar o aplicativo “Resenha Virtual de Equídeos” a Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal).

Trinta vagas estão disponíveis para uma turma que receberá as instruções no próximo dia 23 de janeiro.

Para participar do treinamento, que acontece das 7h30min às 11h30min na Iagro (em frente ao Lago do amor), em Campo Grande, o profissional pode preencher a FICHA disponível no site da Agência ou, manifestar seu interesse enviando os dados para o e-mail pnse@www.iagro.ms.gov.br com nome completo, numero do CRMV, telefone e e-mail pra contato. Maiores informações podem ser obtidas no 67 3901.2693.

Após o pedido, o interessado deve aguardar a confirmação da equipe da Iagro, que será feita através de resposta no e-mail.

 Resenha Virtual de Equídeos

A ‘Resenha Virtual de Equídeos’ é uma ferramenta inédita criada para desburocratizar os sistemas, identificar individualmente os animais do Estado, disponibilizar uma resenha virtual e possibilitar a emissão de guias de trânsito pela internet.

Com o aplicativo em funcionamento fica a equipe de coordenação do PNSE da Iagro, responsável pelo cadastramento dos veterinários para exames de AIE (Anemia infecciosa de equídeos), pela própria Resenha, o cadastramento dos laboratórios e o treinamento dos profissionais.

A produção e manutenção do sistema e do aplicativo são de responsabilidade da DTI e SGI.

Aos veterinários serão treinados e cadastrados e caberá a eles a identificação individual dos equídeos, o Certificado, a coleta de material para diagnóstico de AIE e mormo, a produção das resenhas padronizadas, completas e informatizadas e acompanhamento das requisições encaminhadas via sistema para o laboratório.

Os laboratórios ficarão responsáveis pelo lançamento dos resultados dos exames, sua confiabilidade e os reagentes (e-mail automático às coordenações, UVL e produtor).

Ao produtor caberá à emissão via web da e-GTA, exames autênticos e validados e a realização de trânsito intraestadual somente com E-GTA e certificado.

Publicado por: Iza Olmos Rodrigues de Lima

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.