Dissertação comprova melhora da produtividade e do uso de boas práticas agrícolas

Categoria: Geral | Publicado: quinta-feira, janeiro 28, 2016 as 04:55 | Voltar

 Quanto mais o produtor rural investir em treinamento ambiental e capacitação profissional melhor será a adoção de boas práticas agrícolas da propriedade, o aumento da produtividade e mais respeito às normas de segurança. Esta é a conclusão da dissertação de mestrado "Análise da performance ambiental e a capacitação profissional rural na produção de soja e milho no Estado de Mato Grosso", que tem como objeto de estudo o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT).

O trabalho concedeu o título de mestre em Engenharia de Produção ao assessor de planejamento do Senar-MT, Fábio Bini. A dissertação foi aprovada no último dia 04 de janeiro pela Universidade Estadual Paulista (Unesp), Campus Bauru. "Meu objetivo foi desenvolver o trabalho científico de forma a contribuir com a minha atividade profissional", revelou.

"Fica evidente a contribuição do Sistema Famato/Senar para a melhora contínua da performance sustentável da produção agrícola, garantindo ao Estado, privilegiado destaque em vários critérios importantes, como a logística reversa de embalagens de defensivos agrícolas, boas práticas agrícolas, eficiência produtiva e economia de recursos", avalia Bini.

A dissertação analisou os principais motivadores da agricultura mais sustentável no Estado e também comparou a influência das atividades de capacitação profissional, com o aumento da sustentabilidade produtiva e a redução de impactos nas propriedades agrícolas produtoras de soja e milho de Mato Grosso. "Os resultados confirmam que a produção agrícola acompanha o comportamento da produção industrial, sendo o treinamento e a qualificação, requisitos importantes para a melhora da performance ambiental das empresas e também do nível de segurança praticado pelos trabalhadores, conforme já constatado anteriormente nas pesquisas realizadas no setor pela Aprosoja", resume. "Neste contexto o Senar-MT tem um papel fundamental, já que é o braço educacional do setor agropecuária", enfatiza.

Bini foi orientadora pela professora Doutora do Departamento de Engenharia de Produção, Rosane Battistelle, que tem como linha de pesquisa a gestão ambiental. Para ler a dissertação "Análise da performance ambiental e a capacitação profissional rural na produção de soja e milho no Estado de Mato Grosso", acesse a partir de 07 de fevereiro o link:http://www2.feb.unesp.br/pos/bibliotecavirtual/documentosCurso.php?COD=c81e728d9d4c2f636f067f89cc14862c.

 Assessoria Senar-MT

Publicado por: Iza Olmos Rodrigues de Lima

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.