Cisticercose e agrotóxicos são temas de capacitação para mais de 500 profissionais de assistência técnica e extensão rural

Categoria: Geral | Publicado: sexta-feira, julho 15, 2016 as 15:00 | Voltar

Campo Grande (MS) – Mais de 30 técnicos da Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer) e da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) receberam capacitação sobre agrotóxicos e a doença infecciosa cisticercose, na última semana, no município de Anastácio.

Detentor de um rebanho bovino com mais de 20 milhões de cabeças – quarto rebanho nacional – Mato Grosso do Sul obteve visível aprimoramento tecnológico nas duas últimas décadas. Embora tenha visto melhorias significativas dos índices zootécnicos e na qualidade e conformidade do produto, ainda persistem na atividade, algumas deficiências quanto ao uso de tecnologias disponíveis e gerenciamento da maioria dos estabelecimentos produtores.

Buscando aprimorar os serviços no Estado, a Secretaria de Estado da Produção e Agricultura Familiar (Sepaf) e as duas agências incluíram no contrato de gestão e colocaram em pratica através da articulação da vice-diretora da Iagro, Marina Dobashi; do gestor de Desenvolvimento Rural da Agraer, Arnaldo Santiago; e do coordenador de Pecuária da Secretaria de Estado de Produção e Agricultura Familiar (Sepaf), Rubens Correa Mello, um cronograma de capacitações que pretende alcançar 500 técnicos do Governo do Estado em sete municípios.

Em Anastácio, 32 profissionais já tiveram a oportunidade de debater os dois temas, que nos próximos meses serão colocados na pauta em Nova Andradina (10/08), Dourados (16/08), Campo Grande (23/08), Naviraí (13/09), Três Lagoas (20/09), Coxim (06/10) e Ponta Porã (06/11).

Dentro da programação estão palestras ministradas pelos fiscais agropecuários da Divisão de Educação Sanitária da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro): a pedagoga Terezinha Cléa Signorini Feldens (gestora), o médico veterinário, Luciano Fabrizio Oliveira e a engenheira agrônoma Silvia Vollino Libman Luft.

O secretário Fernando Lamas (Produção e Agricultura Familiar) comentou que a integração das iniciativas pública e privada para disseminação das formas básicas de prevenção da doença da cisticercose e o uso correto de agrotóxicos é muito importante para manter a excelência dos resultados do setor produtivo do Estado.

Segundo o diretor-presidente da Agraer, Enelvo Felini, a capacitação dos profissionais de assistência técnica e extensão rural nas temáticas da defesa agropecuária sempre estiveram no radar da equipe de Governo convergindo com as ações que visam à valorização do servidor. “Se provocados os nossos técnicos são capazes de superar nossas metas e expectativas. Tem sido assim desde que estamos à frente da agência o que nos deixa profundamente motivados a continuar realizando atividades para o grupo”, afirmou.

?

Kelly Ventorim, Assessoria de Comunicação Sepaf e Iagro

Publicado por: kventorim@semagro

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.