Governo do Estado dá inicio aos trabalhos buscando facilitar a emissão de e-GTA de equídeos

Campo Grande (MS) – O Governo de Mato Grosso do Sul incluiu no contrato de gestão firmado com a Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro), vinculada da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro) o compromisso de trabalhar ações para facilitar a emissão de e-GTA de equídeos pelos produtores rurais.

Seguindo o cronograma, foi realizada essa semana, uma reunião com as equipes da Agência com a SGI para tratar do tema.

Na oportunidade foram debatidos a identificação individual dos equídeos, o cadastramento de veterinários responsáveis técnicos que realizarão a identificação dos animais, o cadastramento dos laboratórios para disponibilizar exames válidos na ficha do produtor e, por fim, a emissão das e-GTAs pelos produtores rurais.

Segundo o diretor presidente (em exercício) Rubens de Castro Rondon, a perspectiva é que o sistema de emissão de e-GTAs via web pelo produtor esteja pronto até o fim do ano.  A princípio, a adesão a esse novo sistema será voluntária por parte dos produtores rurais e laboratórios, no entanto, quem optar por esse modelo terá a facilidade de emissão de e-GTAs on-line, além de uma maior segurança nos resultados laboratoriais.

Participaram da reunião, a chefe da DDSA Marcia Rabelo, a coordenadora do PNSE Kelly Noda Gonçalves, a chefe da DTI Caroline Sakamoto, além de Hugo Jorge Nantes e Cristine Tolentino, ambos da SGI.

Kelly Ventorim